Lilypie 1st Birthday Ticker
Sexta-feira, 30 de Dezembro de 2005

wedding checklist

http://www.sextosentido.com/canais/casamento/index.html

O Mais depressa possível:

* Decida a data do casamento (a data não tem de ser precisa, mas ajuda na marcação da Igreja ou registro civil, e do local da recepção)
Não faço a menor ideia pode ser que o tiago tenha alguma, mas é realmente das decisões mais importantes a tomar agora, já! A data vai limitar muitas outras escolhas e prazos de planeamento que vêm a seguir.
* Decida o tipo de casamento: religioso ou civil.
O tiago não deixou margem para dúvidas, é um casamento religioso.
* Saiba os requisitos legais, documentos, etc. necessários para o tipo de cerimónia por qual optou.
a descobrir
* Estabeleça com a sua família e com a família do seu noivo, quem vai pagar o casamento, assim como o valor máximo que o casamento pode atingir.
errrrr...pois
* Faça a lista de convidados mesmo que provisória. Esta será necessária para a escolha e marcação do local da recepção e do catering.
DONE! Esta parece ser uma prioridade do tiago :) Já tenho a lista grande e curta.
* Decida se vai organizar o seu casamento ou se prefere contratar uma empresa especializada em organização de eventos.
Quero uma empresa de eventos! (ver a tal da amiga da lénia)
* Se o seu casamento for religioso, decida em que igreja quer realizar a cerimónia e reserve a igreja.
o tiago perguntou-me isto ontem, não faço a mínima, igrejas não são prioridade para mim, esta pode ser uma escolha totalmente tua amor.
* Se o seu casamento vai ser civil, dirija-se à conservatória do registro civil e marque a data.
* Comece a procurar e visitar locais para a recepção.
eu gostei do tal sítio no lumiar acho que é este: http://www.quintadashortencias.pt/
* Comece a contactar empresas de catering e pedir orçamentos, isto se o local da recepção não disponibilizar esse serviço.
* Seleccione a pastelaria para confeccionar o bolo.
eu quero bolo de chocolate com recheio de brigadeiro!
* Escolha o fotografo e/ou o "videografo".
Não queremos obrigada! Distribuir máquinas descartáveis ou arranjar um amigo que queira tirar fotos (eventualmente descobrir a sugestão da sofia do tal fotografo que não temos de posar)
* Escolha o tipo de música, a banda ou DJ para tocar na recepção.
eu quero karaoke, pode ser?
* Decida o tipo de transporte para a cerimónia. Antes de reservar algum carro ou coche tente vê-lo ao vivo.
errrrr i really don't care!
* Se quer perder uns quilinhos antes do grande dia, agora é a altura de o fazer. É preciso de ter em atenção que os quilos que perder, por causa do vestido!
esquece lá isso!
* Comece a pensar no seu vestido de noiva. Decida se quer usar o vestido da sua mãe ou se quer comprar um novo. No caso de querer comprar um vestido novo, comece a visitar as lojas da especialidade. Experimente o maior número de estilos.
ok

6 meses antes da cerimónia:

* No caso de o seu casamento ser religioso, reúna-se com o pároco para discutir os preparativos (orações, música, coro, flores, toque de sinos, etc.)
sem missa!!!! o mais curto possível!
* No caso do seu casamento ser civil, dirija-se à conservatória do registro civil, e reúna-se com o conservador, para combinar todos detalhes e verificar se tem todos os documentos que necessita.
* Encomende os convites de casamento.
eu gostava que fossem desenhados pela hilda, pedir-lhe orçamento para ilustração que venha a ser utilizada nos convites, ementas, etc
* Reúna-se com os seus pais e com os pais do noivo e preparem em detalhe a lista de convidados.
* Encomende o seu vestido de noiva, se ainda não fez. A maioria das casas precisa de pelo menos 6 meses para confeccionar e fazer todas as provas e alterações do vestido.
* Contacte o responsável pelo local da recepção e combine a decoração, disposição de mesas, etc. Confira os serviços incluidos no preço combinado e pergunte quais os serviços que terão de ser contratados à parte.
* Decida e reserve a sua lua-de-mel assim como o hotel para passar a noite de núpcias.
sim quero lua de mel! sim quero tudo incluido!

5 meses antes da cerimónia:

* Escolha o vestido para a menina das alianças,
é um menino ;) o joão!
* Escolha o fato do noivo,
acho k isto é com ele
* Decida o tipo e a quantidade de flores para toda a cerimónia (bouquet, igreja, local da recepção, etc.). Peça orçamentos e escolha a florista.
bouquet alegre idem para o restante - botões de tulipa amarelos, flores laranja ou azuis

4 meses antes da cerimónia:

* Escolha as alianças
* Faça a lista de prendas
cartões prenda ikea? dinheiro!
* Contacte a pastelaria responsável pelo bolo e tome a decisão final sobre a sua decoração
* Comece uma rotina de beleza. Comece a cuidar das unhas, cabelo e pele.
não quero obrigada!
* Comece a experimentar penteados e maquilhagem.
definitivamente não quero obrigada!
* Verifique a validade dos passaportes.
validissimos! os dos dois! :D

3 meses antes da cerimónia:

* Envie os convites e tenha a sua lista de prendas preparada em caso alguém a peça.
* Prepare e mande imprimir os menus, cartões com o nome dos convidados para marcar o lugar nas mesas, livros para os convidados assinarem e cartões de agradecimento.
* Providencie os vistos de viagem se necessários.
* Consulte o seu médico e faça um check-up. Informe-se sobre as vacinas necessárias para a sua Lua-de-Mel.
* Marque com o seu cabeleireiro para decidirem o penteado. Leve o seu véu e grinalda e uma fotografia do seu vestido, para lhe dar uma ideia.
* Faça o mesmo com a maquilhadora.

2 meses antes da cerimónia:

* Prepare as despedidas de solteiro/a
* Envie cartas de agradecimento assim que os presentes chegarem.
* Informe-se sobre as tradições da cerimónia.

1 mês antes da cerimónia:

* Confirme a marcação do seu cabeleireiro e maquilhadora.
* Telefone aos convidados que não responderam ao seu convite.
* Envie o nº final de convidados para o responsável do local da recepção e para a empresa de catering.
* Faça as últimas provas do vestido e verifique se tem todos os acessórios necessários.
* Se os seus sapatos são novos, ande com eles um pouco todos os dias, para não a magoarem no dia do casamento.
Quero uns ténis!
* Confirme com a empresa de aluguer de carro, a sua reserva.
* Escolha e compre as lembranças para os seus convidados.
* Decida onde sentar cada convidado.

1-2 semanas antes da cerimónia:

* Confirme a florista, a empresa de catering, o local da recepção, banda ou DJ, reserva de hotel para a noite de núpcias, etc.
* Faça um horário para o dia da cerimónia, escreva tudo o que precisa de fazer e atribua tempo suficiente para completá-las.
* Dê a sua despedida de solteira.
* Faça uma lista com os contactos de todos os serviços que estão envolvidos no seu casamento (pastelaria, catering, florista, fotografo, etc.)
* Faça uma limpeza à pele.

O grande dia:

* Acorde suficientemente cedo para não ter que andar a correr
* Tente seguir o seu horário.
* Não se esqueça de tomar o pequeno-almoço!!!
* Prepare-se com tempo suficiente,
* Se tiver de ir ao cabeleireiro não se esqueça de levar o véu e a grinalda.
* Principalmente, relaxe e divirta-se!
tags:
publicado por Claudia Borralho às 15:40

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

sobre a tradição católica

Afinal, disseram-me ontem que eu no próximo ano vou-me casar. Será, portanto, um ano de grandes mudanças.

Por norma, a igreja católica aceita o casamento religioso entre um católico e um não-católico. Por exemplo, será permitido que um islamita, anglicano ou ateu se una a uma católica, sem que se ponha a questão da conversão. O nubente não católico assume apenas o compromisso de não obstar à fé e prática católica do cônjuge e de permitir a educação católica nos filhos ou, pelo menos, compatibilizá-la com a transmissão dos valores próprios da sua própria confissão religiosa.

Embora estas situações sejam cada vez mais frequentes e bem aceites pela igreja, sobretudo quando um dos noivos se afirma ateu ou agnóstico e o outro faz questão de casar religiosamente, a Igreja Católica reserva-se o direito, nestes como em qualquer outro caso, de aprovar ou não, consoante análise, na pessoa do bispo da diocese respectiva, cada processo*.

Os nubentes que, por alguma razão, virem o seu processo chumbado podem recorrer aos tribunais eclesiásticos. À semelhança do que acontece nos tribunais judiciais civis, os tribunais eclesiásticos têm várias instâncias de apelo. Em último caso é possível até recorrer a Roma, com um apelo ao Papa.


* ainda estou para ver como vamos resolver isto. Sou baptizada, mas não sou católica. Não vou mentir e dizer que sim senhora acredito nessas coisas todas e vou sempre à missa. Mas sei que os meus ideais, aqueles em que eu vou educar os filhos, são os mesmos da igreja católica (com a excepção do menino jesus e etc) e nunca em toda a minha vida deixei de respeitar as crenças dos outros (se não fosse assim nunca aceitaria casar-me pela igreja).
publicado por Claudia Borralho às 09:30

link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 29 de Dezembro de 2005

conversa de gajas

Ontem aproveitei ter encontrado a claudia no barco para tirar uma série de dúvidas. Dúvidas de relacionamentos. Foi muito bom, particularmente porque ela há uns anos atrás passou pela mesma situação que eu estou agora mas no papel do tiago ;)
O nuno já tinha uma casa e eles decidiram viver juntos numa casa nova dos dois.
Ajudou-me a perceber muitas coisas, particularmente uma muito interessante. Eu penso a longo prazo, sei que há coisas que levam o seu tempo a acontecer e não podem ser programadas só quando achamos que chegou a altura certa.
Eu sei que mobilar uma casa, fazer mudanças e começar uma vida a dois leva o seu tempo. Leva meses e não dias ou semanas.
Eu sei que se nos decidirmos casar isso ocupa bastante tempo de planeamento, mesmo um casamento no registo implica no mínimo dos mínimos 1 mês a 1 mês e meio de antecedência.
Os noivos devem organizar o processo apenas com três meses de antecedência, mas antes de um mês da data escolhida para a celebração do casamento. in Portal do Cidadão
E eu sei que engravidar não acontece de um dia para o outro... pode levar meses, anos até e apesar de teoricamente eu não aparentar ter algum problema que me impeça de engravidar a minha estória familiar preocupa-me. A minha avó levou anos até conseguir engravidar e teve a minha mãe já com 35 anos. A minha tia do lado do meu pai tinha um problema nas trompas de falópio e só conseguiu engravidar quando finalmente descobriram e corrigiram esse problema, ela já tinha mais de 40 anos.
Enfim, queremos os dois as mesmas coisas, pela mesma ordem e nas mesmas alturas, só que eu sei que para que elas aconteçam quando queremos convém começar a planeá-las com antecedência, em vez de pensar nelas só quando essa altura chega.
O tiago estava convencido que ia ter a casa dele antes deste ano acabar. Eu tentei não o desencorajar, mas sabia que o processo nunca seria assim tão rápido. Ás vezes parece que ele nunca passou por estas situações e que só eu falo pela minha experiência...

No próximo ano vou mudar de casa, mas entre prazos de escrituras, obras, mudanças, compras e decoração de certeza que isso não vai acontecer antes da primavera chegar.
Sejamos optimistas e pensemos que me mudo em março, vamos dar um prazo prai de mês e meio, dois meses de convivência conjunta. Chegamos a maio/junho. OK Decidimos casar. Preparativos, casamento e férias pelo meio, sejamos optimistas e digamos que se faz tudo em três meses, e chegamos a setembro. Dá-lhe um mês de casamento antes de começarem os treinos... outubro. Acham que tenho a sorte grande e descubro em novembro que estou grávida?
publicado por Claudia Borralho às 10:05

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

resoluções de ano novo

"Não espere que o seu relógio biológico expluda para tomar a grande decisão. Não esteja à espera de ter a conta bancária ideal ou a casa dos seus sonhos. Um filho é mais importante. E, de si, precisa, essencialmente, de amor."
in Elle Janeiro 2006


É esse o meu desejo para o próximo ano. Engravidar. Acho que já não vou a tempo de ter um filho no próximo ano, mas , pelo menos, gostava de engravidar. Este ano que passou tinha o desejo secreto de encontrar a minha cara metade, eu estava convencida que nunca iria acontecer, mas trocaram-se-me as voltas e o tiago reapareceu na minha vida muito antes do que eu alguma vez poderia sequer ter sonhado. Pode ser que este desejo também se concretize.
publicado por Claudia Borralho às 09:59

link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 28 de Dezembro de 2005

natal com crianças

Este foi o meu primeiro natal com crianças desde que eu própria era uma criança :)
Adorei receber os risos da marta, a foto do gustavo recém nascido, dar a papa à Bé, vê-la a brincar com a prenda que lhe fiz e vê-la às gargalhadas comigo.
Se estes me fazem tão feliz, nem imagino como vai ser quando a estes se juntarem os meus, os nossos filhotes.
tags:
publicado por Claudia Borralho às 11:30

link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 19 de Dezembro de 2005

mais um dos meus sonhos

Desta vez estava em trabalho de parto. Estavamos eu e o tiago na véspera de irmos com mais alguém numa viagem. Eu estava gravidissima e mais uma vez com a dita barriga assim mais pro achatada ao invés de redondinha bola de futebol. Lembro-me de me sentir lá por baixo e ter achado assim um buraquito do tamanho da cabeça de um dedo.
Durante a noite acordei e acordei o tiago para lhe dizer que não queria ir na viagem, que fosse ele com os outros que eu ficava por casa. E ao mesmo tempo a pensar como é que eu ia ter a criança sozinha sem ter ninguém comigo. Voltar a sentir-me lá por baixo e descobrir que o tal do buraquito estava agora da largura da mão... bela dilatação hein?

Agora tou curiosa, afinal qual é a sabedoria popular para os formatos da barriga? Considerando que sonho com uma barriga meio achatada era uma barriga de que sexo?
tags:
publicado por Claudia Borralho às 09:56

link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 16 de Dezembro de 2005

Idades

http://coisasdemulheres.blogspot.com/2005/12/idades.html

A minha avó teve a primeira filha (minha mãe) aos 25 anos. O segundo aos 30.
A minha mãe teve a primeira filha aos 24. A segunda aos 29.
Eu tive a minha filha aos 21.

Então mas as mulheres não estão cada vez a adiar mais o nascimento do primeiro filho?
;)


carla said...

Depende de muitos factores, das que querem ser mães, cedo, das que são por "acidente", das que querem primeiro a carreira profissional, depende.......

Eu fui do 1º aos 25 anos e da 2ª aos 29anos, e sempre disse 2 filhos antes dos 30.

Beijos



Há coisas que por mais que a gente queira elas só acontecem quando for a altura delas acontecerem... há muito tempo que desejo ser mãe, mas para estas coisas são precisas duas pessoas e não apenas uma mulher sozinha a querer ser mãe. Estou quase a fazer 29 e gostava muito muito de ser mãe antes dos 30, até porque eu quero ter 3 filhos. Ainda não fui mãe porque por mais que eu procurasse o pai estava difícil de encontrar. Felizmente agora já o achei!
A minha avó teve a sua única filha aos 35 anos porque simplesmente nunca conseguiu engravidar antes.
A minha mãe teve-me a mim aos 25 e tinha casado com o meu pai aos 21.
publicado por Claudia Borralho às 12:25

link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 13 de Dezembro de 2005

low maintenance

A decoração da casa nova quero que seja o mais possível de low maintenance. Para se poder viver a sério. Para se comer e não me preocupar muito se cai a nódoa, para pôr os pés em cima do sofá e principalmente porque quando vierem meninos, era bom que tivessem liberdade para eu não me chatear muito com eles... Se forem como eu vão cortar lençóis, pintar o chão com giz, riscar sofás, fazer desenhos e buracos nas paredes, acender velas nos parapeitos com o resultado de cera derretida no parapeito e vidro rachado, e muitas mais coisas de que não me lembro...
publicado por Claudia Borralho às 17:05

link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 12 de Dezembro de 2005

Casórios...

Não. Não se houve nenhum suspiro de alívio, ouve-se sim um suspiro mas de excesso de trabalho. Espero que o breve diálogo que tivemos ontem tenha esclarecido pela positiva algumas das dúvidas que te assolam... para os restantes devo apenas dizer que sim conto em casar-me... e sim espero que seja em breve... depende apenas do tempo e do $tempo$ que temos e de como as coisas correm... Como se dizia, quem casa quer casa... e isso ainda é só o primeiro passo... Arranjar o "ninho" e mobilá-lo e todas aquelas pequenas coisas que nos permitem suportar o nosso dia-a-dia... Claro que ainda antes de nos casarmos ainda falta as duas coisas mais importantes:

1 - Que tu o aceites.
2 - Que o teu pai o permita.

;)
tags:
publicado por celta às 11:30

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Sexta-feira, 9 de Dezembro de 2005

done! encerrado

Pronto, ok. Não volto a levantar o assunto casamento, nem aqui nem em mais lado nenhum. ...E lá ao longe, num computador distante, ouve-se um enorme suspiro de alívio.
tags:
publicado por Claudia Borralho às 09:29

link do post | comentar | favorito
|

.subscrever feeds

.o nosso bebé

Gabriel - 25 / 4 / 2007
Nasceu a 25 de Abril de 2007 às 40 semanas e 2 dias com 3450gr e 50cm com Apgar 10 logo ao 1º minuto! :D

.coisas da mãe

. Fiz eu!

. Ilha das Maçãs

.babies around us

Rafael - 06 / 04 / 2001
João Miguel - 09 / 07 / 2003
Marta & Beatriz - 13 / 04 / 2005
Bé (Beatriz) - 22 / 05 / 2005
Vasco - 21 / 08 / 2005
Gustavo - 18 / 11 / 2005
Matilde - 16 / 01 / 2006
André - 28 / 04 / 2006
João - 20 / 02 / 2007
Maria Leonor - 12 / 09 / 2007
Bernardo - 12 / 10 / 2007
Leonor - 2 / 12 / 2007
Rita - 6 / 12 / 2007

.tags

. todas as tags

.arquivos

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

.pesquisar